Menu
Banner Prefeitura TOPO
20 de Agosto de 2018
GERALDINHO ALVES

GERALDINHO ALVES

Como foi cada candidato a governador da Bahia no debate na TV Band - Editorial

Na noite de quinta-feira, 16 de agosto, os candidatos a governador da Bahia se enfrentaram no 1º debate televisivo das eleições 2018 no estado, realizado pela TV Band. Bahia40graus faz aqui algumas observações sobre o desempenho de cada um:

Propaganda - Ficou evidente que a popularidade do atual governador Rui Costa (PT), cujo partido está no poder desde 2006 no estado, vem muito mais da eficiência da propaganda do que dos resultados reais. O governo petista foi alvo de críticas de todos os candidatos concorrentes, menos de João Henrique (PRTB), ex-prefeito de Salvador, que parece estar ciente do seu papel de mero coadjuvante e ficou em cima do muro. Deu uma cutucada de leve apenas a imprensa (nos “donos dos meios de Comunicação”) quando foi citado como o “pior prefeito”.   

Realidade - A verdade é que a economia baiana apresenta uma histórica desigualdade social com números assustadores que vêm desde o domínio carlista antes do PT. Os indicadores negativos atuais de desemprego, segurança pública, saúde, educação e meio ambiente revelam, na versão às vezes exageradas da oposição, que a correria do governo Rui Costa está em câmera lenta e não acelerada como aparece na propaganda

“Fila da morte” - Os ataques estatísticos e as promessas vagas foram o tom do debate. Mas a tal da “fila da morte” nos hospitais públicos da Bahia impactou. A ineficiência do setor de Regulação do SUS no estado é grave. Rui preferiu dizer que construiu hospitais e policlínicas, prometeu construir mais. O tempo curto dados aos candidatos no modelo de debate feitos na TV acaba não permitindo aprofundar temas relevantes, como a questão da crise hídrica no estado, levantada pelo jornalista Levi Vasconcelos. O telespectador também não participa nem pelas redes sociais e o debate chega a ficar desinteressante.

Primeira candidata negra a governadora da história da Bahia, a ex vice-prefeita de Salvador Célia Sacramento (Rede) teve boa performance, deu algumas cutucadas com classe e falou com propriedades sobre temas relevantes, focando na Educação, sua área de conhecimento. Tem tudo para crescer nessa campanha até outubro se tiver chance de mostrar suas ideias. Ela também saiu-se bem de outra pergunta do jornalista Levi Vasconcelos, sobre sua antiga aliança com ACM Neto. Foi até didática, afinal é professora universitária.

Ex-ministro da Integração, João Santana (MDB) parece detentor de um vasto conhecimento de gestão pública, domina bem estatística, mas ainda lhe falta a pegada do político para traduzir sua bagagem num discurso palatável. Se não fosse o desgaste MDB com as mazelas do governo Temer e o caso policial envolvendo o ex-ministro Geddel e família, João poderia até ter alguma chance como a 3ª via nessa disputa.

José Ronaldo (DEM) parece que está só cumprindo tabela, precisa empolgar mais. Deixou o prefeito de Salvador ACM Neto fora do seu discurso. Teve um desempenho razoável, podia ser melhor. Caiu na provocação de Rui e falou muito de Feira de Santana, mas é uma campanha para governador e não para prefeito.

Marcos Mendes (Psol) Bateu forte nas políticas públicas (ou a falta delas) do governo petista na Bahia, mostrando números negativos. Mirou em Rui quase o tempo todo, chamando a atenção para si. Mas também bateu no grupo carlista. É franco atirador, traz na bagagem conhecimento da realidade baiana e fala bem. É bom prestar a atenção nele nos próximos debates.

 

Por Geraldinho Alves, jornalista e editor do Bahia40graus

Roberta Caires de volta à cena política em Porto Seguro

Presidente estadual da ala feminina do DEM e dirigente da Fundação Cidade Mãe, em Salvador, Roberta Caires está de volta à cena política em Porto Seguro, onde disputou a prefeitura em 2016. Volta cheia de moral e respaldo, mais madura, dominando gestão pública (está fazendo mestrado na área) e conhecendo os caminhos das pedras.

 

Futuro -  Roberta tem recebido elogios rasgados do prefeito da ACM Neto, pelo trabalho que vem desenvolvendo na capital e que pretende trazer para Porto. Ela é um nome natural para 2020 na cidade, caso mantenha a caminhada na direção de pensar um governo planejado que busque romper a cultura do improviso e da politicagem. Tem futuro. Um assessor dela revelou que em breve um projeto relevante será apresentado à cidade, mobilizando principalmente as mulheres portossegurenses.

 

Hoje - Nesta quinta-feira, no hotel Porto das Naus, às 19 horas, Roberta apresenta um evento importante aos empresários de Porto Seguro, com participação do deputado federal Arthur Maia e convidados. Admiradores, simpatizante e curiosos podem participar, a entrada é franca.

 

Por Geraldinho Alves

Ausência de dolo nas contas do ex-prefeito Neto Guerrieri garante contestação também na Justiça comum

Ex-prefeito de Eunápolis entrou com recurso no TCM pedindo ao conselheiro Paolo Marcone revisão da decisão do parecer opinativo sobre as contas de 2015, mas Neto ainda pode contestar na Justiça comum em caso de votação desfavorável por parte dos vereadores, porque não houve dolo nas irregularidades apontadas, segundo ele.

 

Consta na pauta da Câmara Municipal de Eunápolis desta quinta-feira, 16 de agosto, o início do processo de julgamento das contas de 2015 do ex-prefeito Neto Guerrieri. O presidente Paulo Brasil disse ao Bahia40graus que a lei manda colocar em pauta o início do julgamento na 1ª sessão ordinária após o Legislativo receber o parecer opinativo do TCM (Tribunal de Contas dos Municípios).

 

Recurso - O ex-prefeito disse que seu advogado Michel Reis já entrou com recurso no TCM, em Salvador, pedindo revisão do parecer do conselheiro Paolo Marcone, que decidiu pela rejeição. Ele está confiante em reverter a situação. “Já conseguimos provar que não houve dolo nas questões apontadas como a ausência de cotação de preços em algumas licitações. Todas as nossas licitações foram feitas com transparência, inclusive acompanhadas por representante do Ministério Público estadual” esclarece Neto. “Os preços foram praticados pela média de mercado após pesquisa feita pelo setor de Compras”, conclui o ex-gestor.

 

Trâmite - De acordo com o presidente da Câmara, os vereadores agora terão 15 dias, a partir de hoje, para que a Comissão de Contas analise o parecer do TCM. Jorge Maécio, Gildair da Telha Sul e Daniel Queiroz integram a Comissão. Durante o processo, o ex-prefeito terá 10 dias para apresentar sua defesa. Paulo Brasil acredita que todo o trâmite do julgamento das contas dure em torno de 45 a 60 dias. A Câmara Municipal de Eunápolis tem 17 vereadores, para aprovação das contas o ex-prefeito precisará de 12 votos favoráveis.

 

Dúvida - Mas todo o processo de julgamento das contas pode ser interrompido pelo TCM, antes mesmo da votação, caso o órgão acate o recurso e reverta a decisão de rejeição. O que tornará o julgamento sem efeito.

 

  

 

Vereadores trocam murros na Câmara de Cabrália

Política em Cabrália vive momento crítico, vereadores não conseguem administrar suas vidas pessoais, como vão conseguir legislar em prol da cidade?

Um fato lamentável ocorreu antes do início da sessão ordinária na Câmara Municipal de Santa Cruz Cabrália, no extremo sul da Bahia, nesta terça-feira, 14 de agosto, envolvendo dois conhecidos vereadores da cidade. Segundo informações confiáveis, houve troca de murros entre os edis. Um deles tentava receber um dinheiro que havia emprestado ao outro, famoso por dar calote. O bafafá é o comentário nas rodas de conversas de Cabrália nesta quarta (15). A política cabraliense vive um dos piores momentos de sua história. Recentemente, um terceiro vereador teve o carro apreendido por ciganos por não conseguir quitar uma dívida, fato que circulou na rádio Peão. Quem quiser saber o nome dos envolvidos nos dois casos e mais detalhes basta entrar em contato pelo whatsapp (73) 99814-6777.   

Assinar este feed RSS
  • Jornalista Responsável: Carlos Geraldo Alves MTE/BA 4162 - Fundação: Novembro de 2012
  • E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  
  • Tel/Whatsapp: (73) 99814-6777