Menu
Banner Prefeitura TOPO
22 de Setembro de 2018

Prefeitos interinos precisam governar com autonomia para demitir e contratar

  • Publicado em Poder

As demissões e nomeações nas prefeituras de Eunápolis, Porto Seguro e Cabrália parece que continuam desagradando boa parte do grupo político. Mas mesmo sendo correligionários e tendo sido eleitos na chapa majoritária como vices (beneficiados sem dúvida pela popularidade dos cabeças de chapa), cada prefeito interino tem seu jeito próprio de governar. 

Estariam afrontando a Justiça se comandassem as prefeituras seguindo ordens dos prefeitos afastados na Operação Fraternos. Afinal, trata-se do poder público e não de interesse privado. 

Também não é se apegar ao cargo nem trair ninguém. É o curso natural da função política, onde quem responde juridicamente pelo cargo tem que ter autonomia para tomar decisões e montar equipe, afinal é dele 100% do ônus caso algo dê errado.  

Por Geraldinho Alves, jornalista e editor do Bahia40graus

Leia mais ...
Assinar este feed RSS
  • Jornalista Responsável: Carlos Geraldo Alves MTE/BA 4162 - Fundação: Novembro de 2012
  • E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  
  • Tel/Whatsapp: (73) 99814-6777