Menu
Banner Prefeitura TOPO
20 de Setembro de 2018

PT e PSD podem deixar de fora candidatos sem chance real de eleição na Bahia. Será que a estreante Larissa tem?

  • Publicado em Bahia

A candidatura da estreante Larissa Oliveira (PSD) pode estar ameaçada ou será que ela passa na peneira só pela amizade dos pais (prefeitos de Eunápolis e Porto Seguro) com o governador e Otto?

PT e PSD só vão colocar na disputa para deputado estadual e federal aqueles candidatos com chance real de eleição e vão deixar de fora os postulantes com menos votos e debutantes. A estratégia visa eleger o maior número de parlamentares possível, já que os votos da legenda não vão se desidratar entre diversos candidatos. A tese é da coluna Satélite, do Correio, assinada pelo jornalista Luan Santos.

Chapão dos caciques - Ainda segundo a coluna, na eleição passada, por exemplo, o PT teve 55 candidatos a deputado federal, muitos com 10 mil a 20 mil votos, o que ajudou a impulsionar a coligação. Agora, deve colocar apenas entre 11 e 17. O PSD, por sua vez, deve indicar oito nomes e espera eleger todos. Justamente por isso, as legendas maiores defendem o chapão com todas as agremiações da base. Nos bastidores, a jogada é chamada de “chapão dos caciques”.

Resultado de imagem para otto e rui

OTTO E RUI COM CLÁUDIA E ROBÉRIO PAIS DE LARISSA

 

 

Leia mais ...

Acordo nacional do PSDB com o PSD pode virar saia justa para Otto Alencar na Bahia

  • Publicado em Bahia

Os tucanos ganharam uma batalha importante no jogo eleitoral com o ex-governador Geraldo Alckmin (PSDB-SP) selando uma aliança nacional com o PSD de Kassab para a eleição presidencial, mudando completamente o rumo da prosa. Na Bahia, essa aliança pode parecer inócua pela fidelidade do senador Otto Alencar ao governador petista Rui Costa, mas não deixa de ser uma saia justa estampada que vai ficar ainda mais apertada caso Alckmin suba nas pesquisas.

Leia mais ...

Otto Alencar está sumido de Eunápolis, cobra jornal

“O senador Otto Alencar anda sumido de Eunápolis”, diz o comentário do Tomaz no jornal A Gazeta Bahia. “A última vez que esteve neste município, foi no dia 22 de abril deste ano, durante assinatura das obras de asfaltamento da Estrada da Colônia. Antes da referida data, Otto passou quase um ano sem pisar os pés nesta terra, onde foi contemplado com cerca de 20 mil votos para sua eleição de Senador. Portanto, Otto está devendo muito para o eleitorado de Eunápolis.” conclui o comentarista.

Leia mais ...

Otto Alencar assume tom cauteloso depois da desistência de ACM Neto

  • Publicado em Bahia

O senador Otto Alencar (PSD) preferiu, na manhã desta quarta-feira (11), adotar um tom cauteloso sobre possível aumento do favoritismo do governador Rui Costa (PT) após a desistência do prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), de disputar o governo da Bahia.

Em entrevista ao site bahia.ba, o senador afirmou que o grupo político governista “está muito unido e é favorito, mas vamos aguardar para ver. Rui está muito bem avaliado, mas tem que ter pés no chão”, salienta Otto.

Na avaliação do senador, a oposição está “desarticulada”, já que há hoje, pelo menos, três candidatos: José Ronaldo (DEM),João Gualberto e João Santana (MDB). O senador não quis falar sobre a posição de ACM Neto de permanecer na prefeitura, mas sugeriu que o democrata tomou a decisão acertada, ao dizer “que qualquer mandato que conquistar vou até o fim”.

Sobre a prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Otto Alencar afirmou que, neste momento, o impacto na eleição é “imprevisível”. “Ninguém pode prever. Qualquer avaliação que fizer agora é precipitada. Vivemos um momento conturbado”, frisou.

Leia mais ...
Assinar este feed RSS
  • Jornalista Responsável: Carlos Geraldo Alves MTE/BA 4162 - Fundação: Novembro de 2012
  • E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  
  • Tel/Whatsapp: (73) 99814-6777