Menu
Banner Prefeitura TOPO
18 de Novembro de 2017
GERALDINHO ALVES

GERALDINHO ALVES

Rose-Marie x Dinalmari: 1ª audiência será dia 22 no fórum de Eunápolis

A jornalista Rose-Marie, ex-assessora de imprensa da prefeitura de Eunápolis, moveu ação na Justiça contra o promotor Dinalmari Mendonça, do Ministério Público estadual, por se sentir ofendida pelas palavras do promotor em uma entrevista à rádio 98 FM.

Antes da entrevista, Rose havia postado um áudio no aplicativo whatsapp onde fazia um comentário ofensivo ao promotor (e ao prefeito Robério), mas que ela disse, em Nota Pública, tratar-se de uma piada de “mau gosto”. Por conta do teor do áudio, a jornalista foi exonerada imediatamente do cargo.

O áudio vazou para a imprensa e o caso ganhou repercussão. O promotor então resolveu se pronunciar aceitando convite para dar entrevista ao vivo no programa ‘Fala Povão’. Na audiência do dia 22 a Justiça vai tentar celebrar um acordo entre as partes.

 

 

Câmara Municipal de Eunápolis alega falta de base legal no pedido do vereador Arthur Dapé pra cassar Robério

Morreu na praia a tentativa do vereador Arthur Dapé (DEM), filho do ex-prefeito ficha suja Paulo Dapé, de cassar o mandato do prefeito Robério, ainda afastado por decisão liminar do TRF1 (Tribunal Federal Regional da 1ª Região), aguardando julgamento do recurso movido no STJ (Superior Tribunal de Justiça).

O corpo jurídico da Câmara Municipal de Eunápolis negou a tramitação do pedido de investigação e cassação, alegando falta de base legal para ir a votação no plenário, frustrando o jovem edil, que cresceu na sombra dos atos de corrupção praticados pelo seu pai, enquanto prefeito da cidade de 1997 a 2000.

Image may contain: 15 people, crowd and indoor

Na manhã desta quinta-feira, 16 de novembro, o auditório do plenário da Câmara ficou lotado de correligionários dos grupos roberistas e dapezistas, a maioria vestindo camisa azul atendendo apelo das lideranças roberistas. Mas apesar da tensão não houve conflito entre as partes.

 

 

Morre no interior o 19º PM assassinado este ano na Bahia

O sargento da Polícia Militar Ailton Nascimento da Silva, conhecido como Careca, de 49 anos, foi o 19º PM assassinado na Bahia este ano. Ele foi morto a tiros no início da manhã desta quarta-feira (15), em Feira de Santana. Este ano, três PMs foram mortos em serviço, 12 quando estavam de folga e mais cinco reserva remunerada. 

A morte de Careca estaria ligada ao homicídio de um empresário dono de imobiliária em Feira, ocorrido em 2014, no qual o sargento foi acusado de envolvimento, mas as investigações não conseguiram provar o envolvimento. O PM estava cumprindo liberdade provisória, aguardando a decisão final da Justiça.

Até quando o prefeito Carlos Lero vai manter as aparências em Cabrália?

O prefeito em exercício de Santa Cruz Cabrália, Carlos de Jesus Vieira – Carlos Lero, como é conhecido – ainda está cheio de cautela para tomar decisões, uma vez que ele herdou a prefeitura “a serviço” da ex-secretária de Administração, exonerada no último dia 10. 

Apesar das aparências e da aliança eleitoral, Lero e seu fiel escudeiro Jair Sisan, secretário de Cultura e presidente do PSC local, tinham um relacionamento político tenso com o prefeito afastado. 

Mas enquanto não se decide a situação judicial de Agnelo, que recorreu contra seu afastamento nesta terça (14), ao TRF1 (Tribunal Regional Federal da 1ª Região), o tempo passa e a população já está cobrando mudanças. 

Nos bastidores há comentários de mudança do perfil do governo, para breve, inclusive com exonerações e pedidos de demissão nos 1º e 2º escalão. Carlos Lero já chamou a tropa de choque do PSC estadual para lhe ajudar e passar um pente-fino nas finanças da prefeitura. E quem procura acha. 

Assinar este feed RSS
  • Jornalista Responsável: Carlos Geraldo Alves MTE/BA 4162 - Fundação: janeiro de 2008
  • E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. ou O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
  • Tel.: (73) 3281-6908 / (73) 99814-6777