Menu
Banner Prefeitura TOPO
25 de Setembro de 2018

Polícia Federal prende em flagrante 3 advogados ligados à máfia dos precatórios

Organização criminosa pode ter retirado mais de R$ 20 milhões de forma fraudulenta, segundo estimativas.

 

No começo da semana passada (3/9), a Polícia Federal (PF) prendeu em flagrante 3 advogados e um bacharel em Direito efetuando saques fraudulentos de precatórios judiciais numa agência da Caixa, em São Paulo, capital, usando procurações falsas. A prisão ocorreu no momento em que o grupo tentava sacar R$ 50 mil. Policiais federais, apoiados pelo banco, investigaram um grupo de pessoas que, tendo conhecimento de precatórios judiciais não sacados (ganho judicial depositado em conta e disponível para saque pelo beneficiário), falsificavam documentos que ‘autorizavam’ o saque, passando-se por procuradores dos beneficiários. Assim, sacavam os valores nas agências da Caixa em prejuízo dos verdadeiros beneficiários e/ou do próprio banco.

 

 

Outros estados - Em 2015, a PF realizou uma grande operação prendendo estelionatários que praticavam o mesmo golpe com saques fraudulentos de precatórios na Bahia, Maranhão, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Espírito Santo, Pernambuco, Pará, São Paulo e Piauí. O esquema contava com participação de advogados e funcionários da Caixa.

 

A investigação em São Paulo se deu em ação conjunta entre a PF e a área de segurança institucional da Caixa. Estima-se que o grupo ao qual pertencem os advogados presos possa ter retirado mais de R$ 20 milhões em nome de terceiros.

voltar ao topo
  • Jornalista Responsável: Carlos Geraldo Alves MTE/BA 4162 - Fundação: Novembro de 2012
  • E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  
  • Tel/Whatsapp: (73) 99814-6777