Menu
Banner Prefeitura TOPO
19 de Julho de 2018

Prefeitura de Eunápolis autua infrator que abriu vala no centro da cidade

Cerca de meia hora após a denúncia de um internauta ser postada no Bahia40graus a prefeitura de Eunápolis enviou prepostos do Departamento de Trânsito e da Secretaria de Infraestrutura à Rua Castro Alves, no centro da cidade, onde foi aberta uma vala de ponta a ponta, rasgando o asfalto e afrontando o poder público. Os setores estão de parabéns pelo pronto-atendimento a uma denúncia que defende o interesse coletivo. Mas a obra clandestina no centro da cidade não poderia ter chegado onde chegou.

Nenhum texto alternativo automático disponível.A imagem pode conter: carro e atividades ao ar livreA imagem pode conter: uma ou mais pessoas, pessoas em pé e atividades ao ar livre

 

O autor do absurdo foi autuado, o serviço interrompido e o caso agora vai dar muito pano pra manga para servir de exemplo. O estrago ao bem comum deve ser creditado ao infrator e não ao contribuinte. A imprensa está atenta e chega de fazer de conta que ninguém viu só porque o infrator é apadrinhado por algum político, como já aconteceram algumas vezes em outras denúncias feitas aqui e em outros sites locais. A cidade não pode se dar ao luxo de virar casa-de-mãe-joana, o município é da coletividade.

 

Clique aqui para ler a denúncia que fizemos

Leia mais ...

Cadê o poder público de Eunápolis que não vê isso?

Domingo, 15 de julho, pela manhã. Morador ou lojista da Rua Castro Alves, no centro de Eunápolis, abre uma vala quebrando o asfalto da via, de um lado ao outro, na cara de pau, pra fazer alguma ligação clandestina de água ou esgoto. Aproveitou que é domingo, dia de final de Copa do Mundo.

 

Será que ali tem rede de esgoto? Eunápolis tem 120 mil habitantes, não é uma cidadezinha qualquer. Mas ainda falta saneamento básico - dever do Estado - em 90% dos imóveis. O morador não quer ficar mais com o cocô da família dentro da fossa cavada dentro de casa.

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas e atividades ao ar livreA Embasa (leia-se governo Rui Costa) continua é inerte nesse ponto. No dia anterior esteve na cidade o ministro da Educação para credenciar um curso de medicina. A prefeitura não tem plantão na Secretaria de Infraestrutura para coibir casos como esse. E o remendo no asfalto vai ficar lá sem que o poder público (prefeitura, Ministério Público e Embasa) tome providência.

Leia mais ...

Prefeitura de Porto Seguro nega pagamento a médico falecido no ano passado

A Secretaria de Saúde de Porto Seguro enviou Nota ao Bahia40graus esclarecendo a situação do médico Vinícius Vilace Barros, falecido em 8 de dezembro de 2017, objeto de denúncia feita na rádio 88FM, pelo ex-prefeito Ubaldino Pinto Júnior. Segundo o ex-prefeito, a prefeitura continuou efetuando pagamentos - na gestão interina de Beto Axé Moi - a Vinícius mesmo após sua morte, inclusive enviando ao SUS a produção de procedimentos médicos do referido profissional.

 

De acordo com a Nota de Esclarecimento, “não há registro de produção do profissional médico nos bancos de dados oficiais do Ministério da Saúde a partir de 7 de dezembro de 2017, de acordo com informações do Sistema de Saúde da Atenção Básica – SISAB, por intermédio do sistema de alimentação e-SUS/AB, nem tão pouco, rendimentos em nome do referido profissional médico desde a data do seu falecimento”, diz o documento da Secretaria Municipal de Saúde.

 

A Nota justifica entretanto que “a base de dados da competência de janeiro de 2018 do CNES (Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde) foi processada e transmitida (ao Ministério da Saúde) com algumas inconsistências no envio da remessa da carga definitiva, na Base de Dados Nacional, o que somente foram concluídos ajustes em março de 2018, justificando o fato do profissional médico Vinícius Vilace Barros ser desligado do CNES somente nesse período”, diz o documento da prefeitura.

 

Resumo da ópera - Pelo que se entende das explicações, trata-se de uma discrepância de data e não de fraude. A Secretaria de Saúde de Porto Seguro afirma que não houve nenhuma produção de serviços ou pagamento ao médico Vinícius após sua morte, mas um envio atrasado dos dados referente ao profissional ao sistema do Ministério da Saúde (SUS). Pelo sim, pelo não, está aí uma boa pauta para uma auditoria da Sesab e do SUS, com total transparência, e também um esclarecimento público do secretário Kerrys na Câmara de Vereadores, mostrando a documentação que justifica a regularidade dos atos.

 

 

A imagem pode conter: texto

Leia mais ...

Lídice vai responder no TRE-BA acusação de receber caixa 2 eleitoral

  • Publicado em Bahia

 

Agora a senadora Lídice da Mata (PSB) vai precisar, mais do que nunca, da reeleição. O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello mandou para o TRE-BA (Tribunal Regional Eleitoral) o inquérito contra a senadora socialista, aberto após delação de um dos executivos da Odebrecht, José de Carvalho Filho. Segundo o decano do STF, os supostos crimes teriam sido cometidos por Lídice quando ela exercia os mandatos de deputada estadual, em 2006, e de deputada federal, em 2010. Sendo assim, ela não teria prerrogativa de foro privilegiado. A senadora é acusada de ter recebido R$ 200 mil da Odebrecht para sua campanha em 2010. O valor, segundo um dos delatores, não foi declarado à Justiça eleitoral.

Leia mais ...
Assinar este feed RSS
  • Jornalista Responsável: Carlos Geraldo Alves MTE/BA 4162 - Fundação: Novembro de 2012
  • E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  
  • Tel/Whatsapp: (73) 99814-6777