Estudos recentes na França apontam que a cloroquina não tem eficácia contra Covid

Spread the love

A polêmica continua mundo afora, dividindo a classe médica e politizando o tratamento. A cura de casos de Covid tratados com hidroxicloroquina, em Porto Seguro-BA, protocolo adotado pela médica Raíssa Soares parece ser um fenômeno isolado, a ser estudado. Enquanto isso, os óbitos no Brasil já passam de 65 mil, mas começam a cair. Médicos divergem no uso de medicamentos no tratamento da doença. Cada profissional e cada hospital adota um protocolo diferente. cada estado também. O país segue sem ministro da Saúde.

França

Um estudo publicado nesta terça, 7 de julho, aponta que pacientes tratados com cloroquina ou hidroxicloroquina não foram menos afetados pelas formas graves da Covid-19.

O estudo avaliou casos de 55 mil pacientes que já usavam os remédios para o tratamento de outras enfermidades, “não sugere que o uso de antimaláricos sintéticos (APS) a longo prazo tenha um papel preventivo quanto ao risco de hospitalização, intubação ou morte relacionada com a Covid-19”, diz a pesquisa divulgada na França. A informação é do blog O Antagonista.

Dra Raíssa

Em diversos vídeos, a Dra Raíssa (foto) informa que usa hidroxicloroquina, com sucesso, associada a outros medicamentos logo no início dos sintomas gripais. 

error: