Nilo Coelho (DEM) é vítima de montagem de video em Guanambi, suspeitos trabalham para o prefeito

Spread the love

O ex-governador e candidato a prefeito de Guanambi, Nilo Coelho (DEM), foi vítima na tarde desta sexta-feira, 2 de outubro, de uma montagem de vídeo. A suspeita número 1 é a coordenadora de campanha da chapa adversária, em parceria com servidores municipais comissionados ligados à atual gestão, segundo a assessoria de Nilo. 

Por conta do vídeo montado, criminosamente, com imagens fora do contexto, o ex-governador sofreu ataques nas redes sociais, com texto pejorativo anexado. 

A verdade está documentada

Publicado em dezenas de grupos de WhatsApp, o material editado foi acompanhado de uma legenda irônica dizendo que Nilo iria “criar o hospital municipal da Bahia”, seguido de gracejos e risos. 

O que na verdade foi dito por Nilo Coelho é que ele quer criar em Guanambi “o melhor hospital municipal da Bahia”.

A fala original foi dita na noite de quinta-feira (1º), em reunião na residência do candidato democrata, com a presença de dezenas de mulheres e de sua esposa Solange Coelho.

Fala original de Nilo Coelho

A coordenação da campanha da coligação “O trabalho é a nossa marca”, disse ao Bahia40graus que sempre grava na íntegra as falas de Nilo em áudio e vídeo, justamente para evitar este tipo de manipulação digital criminosa. O video na íntegra já foi providenciado, com a fala correta e sem cortes.

A assessoria jurídica da coligação disse que vai acionar a justiça eleitoral para que responsabilize os autores da fraude, que teve o objetivo de fazer propaganda negativa do candidato nas redes sociais e enganar a população, confundindo o eleitor em relação à real proposta de Nilo.

Entre os suspeitos, além da coordenação da campanha de reeleição do prefeito, há servidores nomeados em cargos de confiança nas secretarias municipais de Desenvolvimento Econômico e de Educação, segundo a assessoria jurídica da coligação de Nilo Coelho.

error: