Livro sobre o chá de ayahuasca será lançado em Salvador

Será lançado nesta quinta-feira (10/10), às 19h, no Teatro Jorge Amado, o livro “DMT: A Molécula do Espírito”, do médico psiquiatra e pesquisador americano Rick Strassman. A publicação, traduzida pela primeira vez para a língua portuguesa, apresenta um estudo sobre a DMT (Dimetiltriptamina), substância presente no chá de Ayahuasca, que é consumido por grupos indígenas da região Amazônica (Bolívia, Brasil, Colômbia, Equador, Peru e Venezuela) e também em rituais religiosos.

Apesar de o autor do livro não estar em Salvador, foi organizado na cidade um evento para marcar o lançamento do livro, com palestras realizadas por pesquisadores de Ayahuasca. Um deles é Paulo Cesar Ribeiro Barbosa, psicólogo, cientista social, doutor em ciências médicas e professor da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), em Ilhéus (BA). 

Barbosa vem realizando estudos em parceria com Rick Strassman e, entre 2011 e 2013, fez o pós-doutorado na Universidade do Novo México, nos Estados Unidos, onde o autor do livro é professor.

O outro palestrante será Luís Fernando Tófoli, médico psiquiatra e pesquisador da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Tófoli fala sobre o uso da Ayahuasca no tratamento de dependentes: “Ainda não é muito claro. Mas a gente busca, do ponto de vista da ciência, uma comprovação mais consubstancial de que o chá pode ser uma forma de tratamento à dependência de drogas”, diz Tófoli, que também pesquisa a relação da Ayahuasca com a saúde mental.

Strassman revela entusiasmo com o lançamento no Brasil: “Agora, um livro dedicado ao DMT está disponível no país mais responsável por difundir essa poção ao redor do mundo. Mais do que qualquer outro lugar, o Brasil é o país onde o maior número de pesquisas está acontecendo atualmente a respeito dos efeitos biológicos, terapêuticos e religiosos da Ayahuasca”, diz Strassman.