Jairo Júnior teria exigido Secretaria de Saúde de Eunápolis em troca do silêncio

Descartado do 1º escalão do governo Robério em Eunápolis, por sugestão de um secretário influente, o ex-secretário de Governo e Comunicação, Jairo Júnior, teria procurado Cláudia, prefeita de Porto Seguro e esposa de Robério, para exigir sua nomeação como secretário de Saúde de Eunápolis. Ele também teria ameaçado contar o que sabe dos bastidores do casal, caso continue de fora. Seria fake ou fato? Jairo foi nomeado superintendente da Atenção Básica esse mês. 

Desde a semana passada que circulam rumores dos reais motivos da volta de Jairo ao governo Robério. Ele estaria de olho no cargo maior, substituindo o titular da Saúde, Rodrigo Kuada, cujo trabalho não vem dando o resultado esperado, embora Kuada seja um secretário muito diplomático e querido por parte da equipe. Mas a questão não é tão simples quanto parece. Se Jairo sabe de muita coisa, Kuada sabe também. Robério fica sem saber o que fazer. A Saúde tem um orçamento milionário, muitos empregos e trata diretamente com a população, Moeda forte na troca de favores. Para fazer política e caixa 2 não tem pasta melhor.

INELEGÍVEL – Por sinal, foi o mau uso do dinheiro da Saúde que deixou Robério inelegível (vamos publicar matéria específica do caso ainda hoje), no caso do abastecimento dos trios elétricos com dinheiro da pasta. A decisão foi tomada pela 2ª instância da Justiça Federal, na semana passada, em Brasília. 2020 acabou para Robério, que agora só tem a filha como pneu estepe, já testada nas urnas e derrotada na campanha para deputada no ano passado.