Mais uma obra inacabada

A construção do Centro de Iniciação Esportiva (CIE) no bairro Juca Rosa, zona norte de Eunápolis, continua parada desde que o prefeito Robério assumiu o 3º mandato em janeiro de 2017.

A obra de R$ 3,2 milhões é de grande importância para oferecer iniciação esportiva à juventude eunapolitana e teve início na gestão do ex-prefeito Neto Guerrieri, com recursos do Ministério do Esporte e contrapartida do município.

Sob pressão dos moradores em abril deste ano, o prefeito Robério mandou seu então secretário de obras Pedro Bonomo anunciar a retomada da obra, coisa que não aconteceu efetivamente.

Mas por conta disso, em um ato infantil, o prefeito alterou a data de início da obra na placa fixada em frente ao elefante branco para abril de 2018, quando na verdade a obra começou em abril de 2016, com ampla cobertura da imprensa local.  

Cordélia – Votada por 19,2 mil eleitores de Eunápolis em outubro para deputada estadual, Cordélia Torres passou pela obra esta semana e ficou indignada, postando um alerta na sua rede social.

Cadê os outros? – Os demais prefeituráveis 2020 também podiam surfar nessa onda e cobrar a conclusão do Centro Esportivo do Juca Rosa, obra mais do que necessária para oferecer políticas públicas à juventude eunapolitana, hoje cada vez mais atraída e recrutada pelo mundo das drogas.