O “inoxidável” Ferreira não pode enferrujar na lama do governo

Trabalhador e proativo, o policial rodoviário federal aposentado e gerente da empresa Águia Azul, Carlos Alberto Ferreira, não precisava do dinheiro da prefeitura de Eunápolis, mas sabe-se lá por que ele aceitou o convite do prefeito Robério para cuidar de um setor onde a suspeita de propina é grande. Longe de suspeitar da honestidade de Ferreira, que já disputou a prefeitura de Eunápolis como vice de Paulo Dapé, em 2008, mas o inoxidável”, como ele gosta de brincar, não pode enferrujar trabalhando para um governo inoperante e suspeito de muitos ilícitos. Toma muito cuidado Ferreira!