Menu
Banner Prefeitura TOPO
17 de Outubro de 2018

Candidatura de Larissa desce a ladeira e perde apoio de 3 vereadores em Teixeira de Freitas

  • Publicado em Bahia

Candidata a deputada estadual pelo PSD no chapão da base aliada do governador Rui Costa (PT), Larissa Santos Oliveira, filha do prefeito de Eunápolis, Robério Oliveira (PSD) e da prefeita de Porto Seguro, Cláudia Oliveira (PSD), perdeu o apoio de 3 importantes lideranças políticas na cidade de Teixeira de Freitas (TN), extremo sul da Bahia, segundo o site de maior audiência da cidade, o Teixeira News.  

Bernardo Cabral fora - Diz o TN que, 45 dias depois de declarar apoio a Larissa, o 1º vice-presidente da Câmara Municipal de Teixeira de Freitas, José Bernardo Gomes Cabral (PSD), o mais votado vereador do município nas últimas eleições, retirou o apoio à candidata.

Mais 2 fora - Ainda segundo o TN, também desistiram de caminhar com a candidata dos “Fraternos” os vereadores Juvenal das Laranjas e Adriano Souza, ambos do Podemos e lideranças reconhecidas em Teixeira.

Fraternos - Robério e Cláudia, pais de Larissa, mais o tio Agnelo Júnior (prefeito de Cabrália e irmão de Cláudia), foram afastados dos cargos em novembro de 2017 pela Operação Fraternos deflagrada pela Polícia Federal, Ministério Público Federal e CGU, para investigar supostos desvios de R$ 200 milhões nas 3 prefeituras em diversos contratos.

Os 3 ficaram 150 dias afastados até retornarem em abril deste ano, após liminar do TRF1 (Tribunal Regional Federal da 1ª região), em Brasília, suspendendo o afastamento até o julgamento do mérito. A Polícia Federal ainda está concluindo o inquérito da Fraternos.  

Leia mais ...

Vereador pede à Polícia Federal para investigar uso das verbas da Saúde em Eunápolis e destino dos equipamentos

Falta transparência e sobra desconfiança de que o dinheiro do SUS estaria sendo usado ilegalmente.

 

O vereador Jurandi Leite (PPS) protocolou, na quarta-feira, 12 de setembro, denúncia dirigida ao delegado Pancho Vilas, chefe regional da Polícia Federal, em Porto Seguro, para que a PF investigue o uso das verbas recebidas pela prefeitura de Eunápolis referente a saúde pública municipal (SUS) e ainda o destino de equipamentos hospitalares e recursos recebidos para construção e implantação da UPA (Unidade de Pronto Atendimento), localizada no bairro Rosa Neto, até hoje sem funcionar. A denúncia do edil está embasada em farta documentação e na citação de leis que regulam o uso de recursos do SUS. O caso da UPA se encaixa como uma luva no quadro do programa Fantástico: “Cadê o Dinheiro que Tava Aqui?”.

 

Jurandi foi eleito com 1.058 votos em 2016.

Leia mais ...

Faltou quorum ou coragem aos vereadores de Cabrália?

8 edis fugiram da sessão ordinária, mas vão ganhar salário integral.

O que um debate sobre os problemas da cidade, principalmente na saúde, pode amedrontar tanto alguns vereadores em Santa Cruz Cabrália? A sessão ordinária dessa terça-feira, 21 de agosto, às 19:30 horas, não aconteceu por falta de quorum. Apenas os vereadores Luciano Monteiro, Xêpa (Cláudio Mendes) e Indiara compareceram. Pela manhã, os três edis fizeram uma visita de inspeção ao hospital público da cidade e constataram diversas irregularidades ocorrendo no local. A secretária de Saúde, Márcia Quaresma, não retornou o contato do blog.

Amanhã, aqui no Bahia40graus vamos mostrar o descaso no hospital público de Cabrália e uma matéria bomba com o ex-superintendente de Serviços Públicos, Vavá.

Leia mais ...
Assinar este feed RSS
  • Jornalista Responsável: Carlos Geraldo Alves MTE/BA 4162 - Fundação: Novembro de 2012
  • E-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.  
  • Tel/Whatsapp: (73) 99814-6777