Corporativismo fala mais alto na Câmara de Eunápolis

Os vereadores de Eunápolis, até mesmo aqueles que se dizem da oposição, parece que acharam normal o video onde o colega Gildair revela o mecanismo de suposta compra de votos com uso da máquina pública. 

Já tinham ficado mudos quando Gildair, em outro video, disse que tava “cagando e andando” para a opinião pública.

O corporativismo fala mais alto na Câmara. Um não fala do outro, o outro não fala do um. Quando muito apenas o teatro do bate-boca em algumas sessões para quebrar a monotonia. 

Esse é o nível do Poder Legislativo municipal local.  69 anos após a fundação, ainda pode-se dizer que Eunápolis continua uma província de 130 mil habitantes, com uma cultura política bem atrasada.