Uber será liberado em Porto Seguro e região

O STF declarou, nesta quarta-feira, 8 de maio, inconstitucionais as leis das cidades de São Paulo e Fortaleza que proibiam ou inibiam o uso de aplicativos de transporte individual, como Uber, Cabify e 99. A decisão também vale para outras cidades, como Porto Seguro. onde uma lei controversa promulgada pela Câmara de Vereadores proíbe o funcionamento do transporte individual por aplicativo na cidade.

Porto Seguro, que recebe turistas do país e outros países, ainda precisa resolver a questão crítica da mobilidade urbana precária, com o sistema de transporte coletivo precário, lotações não regulamentadas e perseguidas pelo poder público, além de um serviço de táxi que precisa de fiscalização para evitar abusos constantemente cometidos por motoristas.